As 9 mulheres mais bem pagas no mundo esportivo
AP Photo/Nam Y. Huh
Página principal Estilo de Vida, Histórias de sucesso
Tema do momento
9 Março
4672 4k

O tênis em grande destaque

Quando se fala nas mulheres mais bem pagas no mundo esportivo se fala, quase sempre, de estrelas do tênis. Contudo, o ranking que se segue, baseado em dados da Forbes, traz uma ou duas surpresas.

Da consistentemente brilhante Serena Williams à poderosa estrela Ronda Rousey, confira as atletas femininas com os maiores rendimentos em 2016.

Serena Williams, jogadora de tênis

Conquistas em 2016: venceu o campeonato de Wimbledon e um título WTA.

Rendimentos em 2016: 880.000 dólares – ou 3.400 dólares por dia.

Caroline Wozniacki, jogadora de tênis

Conquistas em 2016: ganhou dois títulos WTA.

Rendimentos em 2016: 990.000 dólares – ou 3.900 dólares por dia.

Ana Ivanovic, jogadora de tênis

Conquistas em 2016: sem vitórias notáveis.

Rendimentos em 2016: 1,8 milhões de dólares – 7.400 dólares por dia.

Maria Sharapova, jogadora de tênis

Conquistas em 2016: sem vitórias notáveis depois de ter sido desqualificada por resultado positivo em teste antidoping.

Rendimentos em 2016: 1,8 milhões de dólares – 7.400 dólares por dia.

Victoria Azarenka, jogadora de tênis

Conquistas em 2016: venceu dois títulos WTA.

Rendimentos em 2016: 3,5 milhões de dólares – ou 14.000 dólares por dia.

Gabrine Muguruza, jogadora de tênis

Conquistas em 2016: derrotou Serena Williams na final do Open da França, alcançou um recorde de carreira – como número dois do mundo – e participou em duas semifinais da WTA (Premier 5 Tournament).

Rendimentos em 2016: 4,5 milhões de dólares – ou 18.000 dólares por dia.

Agnieszka Radwanska, jogadora de tênis

Conquistas em 2016: chegou à meia-final do Open da Austrália, venceu três títulos WTA e terminou o ano como a terceira melhor jogadora de tênis do mundo.

Rendimentos em 2016: 5,1 milhões de dólares – ou 20.300 dólares por dia.

Danica Patrick, piloto

Conquistas em 2016: 689 pontos em 36 corridas (NASCAR Sprint Cup Series).

Rendimentos em 2016: 7,8 milhões de dólares – ou 30.900 dólares por dia.

Ronda Rousey, atleta de artes marciais mistas contratada pela UFC

Conquistas em 2016: perdeu o único combate em que participou, contra Amanda Nunes.

Rendimentos em 2016: 9,9 milhões de dólares – ou 39.100 dólares por dia.

Leia também:

Хотите узнать больше о гражданстве за инвестиции? Оставьте свой адрес, и мы пришлем вам подробный гайд

Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça "curtir" a esta página para que a gente possa continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente