4 Métodos para estabilizar o orçamento e alcançar objetivos financeiros
Página principal Estilo de Vida

Fato: não conseguirá alcançar os seus objetivos financeiros – sejam eles quais forem – se não conseguir controlar as suas despesas mensais. Onde anda desperdiçando o seu salário? Que medidas poderá implementar? Analise os métodos que descrevemos de seguida para estabilizar o seu orçamento mensal e alcançar os seus objetivos financeiros de curto, médio ou longo prazo.

1. Sistema dos envelopes

Quando receber o seu salário o distribua por envelopes – o valor de arrendamento ou hipoteca em um envelope, o valor para gastos fixos como água, luz e internet em outro, o valor para entretenimento em outro, para poupança em outro e por aí em diante. Todas as despesas ficam definidas e distribuídas com antecedência – não havendo espaço para gastos espontâneos, que são aqueles que normalmente consomem maior capital. Porém, este sistema não permite uma análise detalhada das despesas.

2. Economizar, economizar, economizar

Reserve, no início de cada mês, uma parte substancial da sua renda em um depósito a prazo – preferencialmente um depósito cujos termos não permitam saques antecipados (ou associem penalizações a saques antes do tempo) e com juros interessantes (dentro do possível nos dias de hoje). Mais cedo ou mais tarde este método irá permitir que tenha economizado para algo mais significativo, como um carro ou a entrada para um apartamento. No entanto, ficará com menor liquidez para despesas do dia a dia.

3. Excel, o seu melhor amigo

Crie um ficheiro no Excel e digite na linha superior os tipos de despesas que costuma ter, o mais detalhado possível: produtos domésticos, almoços em restaurantes, etc. De seguida, passe a definir o que representa cada item a cada dia (qual o valor gasto). Este método é adequado para análise meticulosa de despesas – podendo identificar mais facilmente gastos estouvados com lattes e abacate. Contudo, se tratará de um registro vasto – que irá exigir alguma disponibilidade temporal da sua parte.

4. Aplicativo móvel do seu banco

É muito provável que o seu banco tenha um aplicativo móvel que permita que distribua as suas transações por tipo de despesa. Se pagar a renda, for ao supermercado ou chamar um Uber, a aplicação associa automaticamente essas despesas a tipo de despesa (casa, produtos ou transporte, respetivamente). No final do mês terá um diagrama ilustrativo que tornará clara a proporção das suas despesas em cada item. Porém, algumas das transações terão de ser registradas por você manualmente – como transações com dinheiro físico.

Хотите узнать больше о гражданстве за инвестиции? Оставьте свой адрес, и мы пришлем вам подробный гайд

Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça "curtir" a esta página para que a gente possa continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente