Como Mark Zuckerberg e Priscilla Chan gastam a sua fortuna
Página principal Estilo de Vida, Facebook

Apesar do seu estatuto Zuckerberg goza de um estilo de vida discreto com a sua mulher Priscilla Chan e as suas filhas pequenas

Mark Zuckerberg, o jovem fundador e diretor executivo da Facebook, com apenas 33 anos, tem um patrimônio líquido avaliado em 74 bilhões de dólares.

É, atualmente, a quinta pessoa mais rica do mundo, segundo o índice de milionários da Bloomberg – mas parece que não é adepto da opulência, sobretudo no que toca a carros, roupa e viagens.

Membro da campanha The Giving Pledge e cofundador da Iniciativa Chan Zuckerberg, desistiu da Universidade de Harvard e destina muita da atual e futura fortuna a obras de beneficência.

Continue lendo e descubra como Zuckerberg e Chan gastam os seus bilhões.

Em maio de 2012, oito anos após a sua criação, a Facebook se estreou na Bolsa de Valores de Nova Iorque. Na altura se tratou da maior oferta pública inicial do mundo. A partir de então, todos os anos Zuckerberg tem acrescentado, em média, nove milhões ao seu patrimônio líquido.

Apesar do seu estatuto – é um dos magnatas da tecnologia mais ricos do mundo – o ex-aluno de Harvard goza de um estilo de vida discreto com a sua mulher Priscilla Chan e as suas filhas pequenas.

Como Mark Zuckerberg e Priscilla Chan gastam a sua fortuna
Mark Zuckerberg e Priscilla Chan com a filha, Max

Como tantos outros gigantes de Silicon Valley, Zuckerberg gosta de andar bem vestido. Embora aparentem ser casuais, as suas tão conhecidas t-shirts cinzentas e camisolas com capuz são feitas por marcas de luxo – e, ao que parece, são muito mais caras do que aparentam, custando centenas e até milhares de dólares.

Zuckerberg é conhecido por guiar carros relativamente baratos. Já foi visto em um Acura TSX, em um Volkswagen com bagageira integrada e em um Honda Fit, todos avaliados em 30 mil dólares ou menos.

Há uma coisa em que Zuckerberg não se importa de gastar dinheiro: patrimônio imobiliário. Em maio de 2011 comprou uma casa de 464 metros quadrados em Palo Alto por sete milhões de dólares. Desde então, a artilhou com um “assistente de inteligência artificial personalizado”. No ano seguinte começou comprando as propriedades à volta da sua casa, gastando mais de 30 milhões para adquirir quatro casas, que tenciona nivelar e reconstruir.

Também é dono de uma casa citadina no bairro de Mission, em São Francisco. Comprou esta casa de 510 metros quadrados em 2013 e gastou mais de um milhão de dólares em obras, incluindo o acréscimo de uma estufa e a remodelação da cozinha.

Como Mark Zuckerberg e Priscilla Chan gastam a sua fortuna
A casa de Zuckerberg fica perto de Dolores Park, no bairro de Mission, em São Francisco

Em 2014, a carteira imobiliária do multimilionário atravessou o Pacífico. Gastou 100 milhões de dólares em duas propriedades na ilha de Kauai: a Kahu'aina Plantation, uma plantação de cana de açúcar com 144 hectares e Pila’a Beach, uma propriedade de 160 hectares com areia branca. Zuckerberg disse que comprou a propriedade juntamente com Chan por estarem “decididos a preservar a sua beleza natural.”

Zuckerberg não parece viajar muito por lazer. Mas, quando viaja, quem paga a conta é a Facebook. A equipe de segurança e os custos de transporte de Zuckerberg custaram à empresa quase cinco milhões de dólares em 2015.

É provável que os custos subam consideravelmente este ano, já que Zuckerberg passou o verão percorrendo a América com o objetivo pessoal de visitar todos os estados americanos. Na sua viagem-relâmpago, o diretor-executivo jantou com uma família na sua casa em Ohio, reuniu com ex-toxicodependentes viciados em opioides, trabalhou na linha de montagem de uma fábrica da Ford, se encontrou com militares e até alimentou um bezerro.

Zuckerberg partilhou no Facebook fotografias das suas experiências no coração da América e pareceu bastante em casa. No fundo, a opulência e o luxo são apenas pormenores para Zuckerberg. A sua prioridade é dar dinheiro e não gastá-lo.

Zuckerberg é membro da The Giving Pledge, juntamente com Bill Gates, Warren Buffett e outros milionários que se comprometeram a doar a maior parte das respetivas fortunas à filantropia. Tenciona vender 99% das suas ações da Facebook ao longo da sua vida.

Zuckerberg tem controle absoluto sobre o futuro da Facebook. O preço das ações da empresa subiu mais de 50% desde abril de 2016. Zuckerberg afirma que tenciona acelerar as vendas das ações para financiar a Iniciativa Chan Zuckerberg. Conta vender entre 35 e 75 milhões de ações nos próximos 18 meses, alcançando um mínimo de seis bilhões de dólares, podendo ir até aos 12 bilhões.

Algumas das ações da Facebook revertem a favor da Iniciativa Chan Zuckerberg, uma organização de solidariedade social que fundou com a mulher em 2015 e que tem como objetivo “ensinar de forma personalizada, curar doenças, pôr as pessoas em contato e construir comunidades fortes.”

A Iniciativa Chan Zuckerberg lida com problemas tanto a nível local como a nível global. No ano passado, Zuckerberg e Chan investiram três bilhões de dólares em estudos dedicados à investigação de curas para algumas doenças do mundo. No início de 2017 a Iniciativa se associou à Landed, uma startup de apoio ao alojamento, doando cinco milhões de dólares para ajudar pelo menos 60 professores em Redwood City e no leste de Palo Alto, na Califórnia, a adquirir bens imobiliários.

Leia também:

Хотите узнать больше о гражданстве за инвестиции? Оставьте свой адрес, и мы пришлем вам подробный гайд

Por favor, descreva o erro
Fechar
Fechar
Obrigado pelo seu registo
Faça "curtir" a esta página para que a gente possa continuar a publicar artigos interessantes gratuitamente